10 anos de cooperação da Fundação IGF em Moçambique

JPEG

A Reserva Nacional do Gilé (RNG) é uma das seis reservas nacionais no sistema das áreas de conservação em Moçambique. Localiza-se na Província da Zambézia, nos distritos de Gilé e Pebane e é constituída por uma zona central de protecção total, com uma superfície de 2.8161 km2 e de uma Zona Tampão ao redor com uma superfície de 571 km2. No limite oeste da RNG é estabelecida a Coutada Oficial de Mulela, estabelecida em 2013, com uma superfície de 960 km2. A RNG, como outras áreas de conservação do País, foi abandonada durante o período da guerra civil e sucessivamente sofreu de falta de investimentos ao longo de vários anos. Estas situações determinaram a perda de varias espécies de animais, a destruição de infra-estruturas e a falta quase completa de fiscalização.

De forma a apoiar a reabilitação e o desenvolvimento da RNG, o Governo de Moçambique e a Fundação Internacional para a Gestão da Fauna (Fundação IGF), ao abrigo da Fundação François Sommer, assinaram um acordo de cinco anos para a gestão conjunta em 2007, acordo que foi renovado em 2012 para mais 5 anos.

Ao longo destes dez anos, através de financiamentos do Fundo Francês para o Ambiente Mundial (FFEM) e da Agencia Francesa de Desenvolvimento (AFD) e de fundos próprios, a Fundação IGF e as autoridades competentes de Moçambique, conseguiram implementar várias actividades viradas à restauração da biodiversidade de RNG, bem como ao desenvolvimento das populações locais ao redor da reserva. Entre estas actividades destaquam-se:

  • i) o apoio técnico à Administração da RNG,
  • ii) a reabilitação de infra-estruturas,
  • iii) a reintrodução de espécies desaparecidas,
  • iv) o apoio às comunidades locais na adoção de praticas agrícolas melhoradas e sustentáveis, e
  • v) os estudos técnicos necessários para permitir, futuramente, a venda de credito de carbono, derivantes da protecção das florestas de miombo da RNG, no sistema REDD+.

Dernière modification : 10/07/2017

Haut de page